terça-feira, 23 de fevereiro de 2010



Agora esta eu e a Maria dentro daquele cubiculo. A Nádia estava a porta passada completamente, os ciumes dela deviam estar a consumi-la de certeza. Mas dentro do cubiculo nem me lembrava disso, a Maria começa a provocar-me. Depois de cheirar encosta-me à parece e junta o seu corpo ao meu, a sua boca aproxima-se da minha e apenas diz "Bom produto, será que tudo vindo de ti vale assim a pena?". Não percebi qual a total intenção dela a dizer-me aquilo, mas sabia bem que ia acabar na cama com aquela mulher, se nao fosse naquela noite era no dia a seguir não dava para evitiar. Ela transpirava sexualidade e sensualidade, era muito forte, eu com a coca e o alcool todo a fluir nas minhas veias estava com uma tesão enorme.


A boca da Maria estava agora super proxima da minha, sentia a sua respiração nos meus labios. E pumba! a Nádia abre a porta com uma brutalidade completa, "posso cheirar a minha parte?" Estava completamente passada comigo, eu sai do cubiculo e esperei por elas na parte de fora da casa de banho. Um olhar ao espelho para ver se era muito evidente a moca que tinha. Os meus olhos estavam imensamente vermelhos, mas eu estava a me cagar. Aquela era a minha noite de putaria.


Saimos as três e fomos dançar, a Nádia soprava por todos os lados, e eu já não sabia bem para qual delas me virar.


Fodasse! Não aguento. Agarro as duas e puxo-as para mim, beijo a Nádia e a Maria olhava para o nosso beijo com um desejo incontrolado, olho para a Maria e beijo-a tambem. Depois de as beijar, aproximo-as e observo enquanto se beijam.


-Vamos sair daqui?


Elas acenam afirmativamente, sabia que não estava em condiçoes de conduzir mas ia pegar no carro na mesma.


Entramos no carro e começa a festa, elas vão para o banco de trás enquanto eu acelero como uma louca. Só pensava que ia matar-me naquela noite, pareciamos possuidas dentro do carro. Elas beijavam-se lá atrás e eu via pelo retrovisor, estavam a fazer de proposito para me provocar. Só queria chegar a casa da Nádia.


Finalmente. Nem sei bem como arrumei o carro mas nao interessa, saiu abro a porta de trás e puxo aquelas duas, estavam já semi-nuas. Não sei bem qual delas me deixavam com uma tesão maior.


Fizemos tanto barulho a subir aquelas escadas.


-Tens o meu amigo Jack, nádia?


-Ya, está no bar vai buscar.


Quando voltei, estavam as duas completamente nuas na cama à minha espera, bebo um pouco de whiskey, pouso a garrafa e começo a despir-me enquanto me aproximo delas. Estão as duas na cama, aproximo-me e a Nádia vai buscar a garrafa de Jack daniels que deixei no chão.


A Maria agarra-me por trás enquanto a Nádia começa a deitar wiskey sobre a minha pele a beber com a lingua.


Agarramo-nos. Comemo-nos. Bebemo-nos. Fode-mos como ninguem.


Os gemidos daquelas duas entravam pelos meus ouvidos e davam-me um prazer descomunal.


Não sabia se era a coca no meu sistema se o facto de as sentir tão molhadas, estava completamente louca, despojada.


Comeram-me enquanto eu as comia. Alternavamos entre dedos e lingua por todo o corpo. Eramos já quase como um unico ser a esbanjar prazer por todos os poros. Os nossos gemidos eram intensos, descontrolados e prazerozos.

Fodasse! Já deviam ser quase dez da manhã. Cai na cama, estava exausta, eu e elas.



(continua)
Isto é apenas uma historia, qualquer semelhança com a realidade é pura coincidencia.

11 comentários:

Leonor disse...

Penico.

Anónimo disse...

Estou a gostar minha preversa. Continua...

Anónimo disse...

Estou a gostar minha preversa. Continua...

Anónimo disse...

Estou a gostar minha preversa. Continua...

Anónimo disse...

Estou a gostar minha preversa. Continua...

100asas disse...

jack daniel's .

my favorite

[ .seria de certeza também a minha escolha para uma noite assim.. ! ]

DiAleX disse...

:o

DiAleX disse...

why the ":o"?
porque estava a imaginar a cena! "Comeram-me enquanto eu as comia." acho que é mais por ser chocante! e já agora, escreve-se "gostaste" xP

Teve a sua piada, continuação de boas "marotices" xD

CrazyBlood disse...

uhhmm nice..spicy...keep going...

Anónimo disse...

É pena é que gajas boas E fufas seja mesmo só nos filmes...

Mónica disse...

ó anonim@ não conheces toda gente que eu conheço decerteza.